Os 10 Mandamentos da Segurança da Informática

Caros amigos, clientes e simpatizantes, quero aqui me desculpar pelo período longo sem postar, isso se deu por causa de problemas pessoais, mas estou de volta, hoje começa com um post muito importante para o usuário tanto doméstico como empresarial de computadores. 10 princípios ou mandamentos que temos que seguir a risca para maximizar a segurança do uso do computador, abaixo segue esses princípios:

1) Jamais utilize computadores em locais públicos em casos em que haja necessidade de informar dados confidenciais, como senhas ou cartão de crédito, inclusive em lan house.

2 – Jamais use senhas dos tipos: 12345, de aniversario, nome de pessoas, parente, animais, e correlatos. Use sempre a combinação de letras (minúsculas e maiúsculas), números e caracteres especiais, como @#$*&.

3 – Use senhas diferentes para as diversas contas que tenha, como email, do banco, do cartão de crédito, etc.

4 – Sempre preste a atenção nos alertas do seu sistema de segurança e verifique sempre se está atualizado, não adianta de nada ter um sistema de segurança se você não faz seu monitoramente pessoal. Essa mesma atitude serve para o sistema operacional e os outros programas instalados no seu computador.

5 – Atenção redobrada ao visitar páginas na internet, baixar programas, principalmente esse último, porque através desses que entra muitos Malwares no computador.

6 – Utilize sempre uma rede ad-hoc (é uma ligação temporária entre vários computadores e dispositivos utilizada para uma finalidade específica, por exemplo: jogos em rede, partilha de documentos, partilha de impressora, partilha de internet com os utilizadores da rede etc.), quando se conectar a uma rede WIFI, e logo após o uso desabilite. Quando possível, use a segurança de criptografia, como WPA e habilite a rede WIFI apenas quando for utilizá-la.

7 – Sempre altere a senha padrão do modem e de todos os dispositivos conectados, na sua rede WIFI doméstica.

8 – Sempre desligue a sua rede quando não estiver sendo utilizada.

9 – Sempre desabilite o compartilhamento de discos e impressora quando não houver necessidade.

10 – Sempre faça cópias de segurança com frequência de seus dados.

Como Acessar seu Banco de Forma Segura

banknetAntes de tudo verifique se a url tem o “s” no https.

  1. Depois verifique as cores do site seu banco, para vê se são cores “vivas”, os falsos, as cores são opacas, além da logomarca do banco.
  2. Erre sempre a senha na primeira tentativa – se o site for falso, ele vai aceitar sua senha, então saia e comunique ao seu banco.
  3. Use sempre o computador pessoal, jamais computadores públicos.
  4. Use sempre um sistema de segurança completos, os all-in-one, principalmente o módulos de acesso a bancos e outros desses  sistema de segurança.

Saiba se um site é seguro ou não para navegar!

internet_segura

Hoje em dia podemos fazer quase de tudo na internet, desde uma simples pesquisa, até compras, entretanto, pode ser um perigo fazer qualquer operação na internet, desde da mais simples a mais complexa. Muitas pessoas navegam sem se preocupar com a segurança, outras ficam com receio, ficam inseguras a ponto de não fazerem nada na internet, a não ser o básico, mas com alguns cuidados pode-se fazer operações tanto simples, como mais complexas. Para termos certeza que não estamos sendo vítimas de um crime virtual, existe opções de se proteger para não sermos mais uma das vítimas dos cibercriminosos, uma delas é usar ferramentas de detecção de sites falso, denominado “Web of Trust”, essa ferramenta é compatível como os navegadores Firefox, Chrome e Internet Explorer, e de forma gratuita, o que é melhor. No caso de compras, usar o site da receita federal informando o CNPJ da loja para verificar se tem algum problema. Outra, é se o site tem o s depois do “http”, se tiver é considerado um site seguro, o s é de seguro, junto com o certificado digital SSL. E por último, instale os complementos de segurança, como o McAfee SiteAdvisor, Dr.Web anti-virus link checker, Personal Block, WOT (Web Of Trust). Essa providencias lhe darão mais segurança. Acesse o site do WOT: www.mywot.com.

 

7 passos para proteger seu computador na internet!

internet-segura

Vírus, spyware, spam, worms … oh meu Deus que suplicio!

O próprio conceito de “segurança na Internet” é quase um paradoxo nestes dias. Parece que não passa um dia sem ouvir algum novo tipo de ameaça que está causando estragos entre máquinas conectadas à internet.

Aqui estão algumas atitudes que você pode e deve fazer para se manter seguro:Continue lendo

Os perigos do armazenamento em nuvem!

armazenamento-nas-nuvens

Muito do nosso dados importantes são armazenados em nuvem atualmente. Mas o que isso significa para arquivos futuros? Será que os nossos dados importantes, como documentos, imagens, música, vídeos, entre outros, estarão legíveis daqui a 10 anos, a partir de agora?

Digo isso, porque uma das grandes lições que eu tenho, e que eu tento compartilhar com as pessoas, é que nas nuvens é significativamente mais fácil de fazer backup do que outro formato que você pode pensar. Se você tem um pedaço de papel que é fantástico; é o original, mas se acontecer alguma coisa com esse pedaço de papel, você não tem mais o original. Qualquer outra coisa será ou uma cópia (uma cópia de qualidade inferior) ou simplesmente não existe.

Então, como eu disse, digitalizar é tão trivial para copiar, tornando o backup realista. Ele torna possível; torna-se absolutamente fácil. Não há simplesmente nenhuma razão com uma estratégia de backup adequada, que você nunca iria perder um documento digital. Ou há?

Então, uma das coisas, um dos argumentos contra a retenção de documentos digitais em particular, mas também acontece para música digital, fotografia e vídeo, é que as coisas mudam. Com o tempo, as coisas mudam. Como sabemos hoje que o documento que está armazenando, os vídeos que eu estou criando, o áudio que está sendo produzido vai ser salvos em um formato que será compreendido e reconhecido 10 anos a partir de agora, daqui a 50 anos, 100 anos a partir de agora. não temos certeza.

A questão é, também, no que diz respeito à mídia física. No entanto, armazenar vídeo ou documentos, como eu sei que daqui a dez anos, 50 anos a partir de agora, 100 anos a partir de agora, as pessoas terão alguma forma de realmente recuperar fisicamente o documento fora dos meios de comunicação que eu escolhi?

Você tem documentos ou arquivos em disquetes ou CDs, há uma boa chance de você não ter uma máquina que possa lê-los. Atualmente ainda há alternativas; e daqui a dez anos? Eu não sei. Eu não posso te dizer. Estamos vendo também, os desaparecimentos muito de unidade de CD-ROM ou o DVD de carro, de computador, de notebooks e ocasionalmente até mesmo de computadores.

Você não precisa necessariamente instalar seus programas a partir de um DVD; pode fazer a partir de um pendrive ou a partir de uma fonte on-line. É a tendência, porque sairá mais barato para os fabricantes do que produzir fisicamente DVDs ou Pendrive.

Por exemplo, eu acho que há uma probabilidade muito alta de que arquivos PDF será legível daqui a 100 anos. Eles podem ser considerados antigo e misterioso, mas o fato é que há tanta informação a ser preservada e apresentados em formato PDF, hoje, que parece pouco provável que tudo o que seria descartado tão facilmente por algo tão simples como não sendo de entender e exibir o formato.

Será que arquivos como JPEG, MP3, MP4, etc, daqui um tempo, haverá melhores alternativas de qualidades no futuro? Muito provável. Mas será que o apoio a estes “antigo” formatos, terá como reproduzi-los? não sei, só vamos descobri quando chegarmos lá.

O que você acha? O que você acha sobre os dados digitais, armazenamento digital, backup e assim por diante?

Continue lendo

Como fazer um DOWNGRADE do Windows 8 ou 10 para o Windows 7?

downgrade

Antes de mais nada, “Downgrade” é o oposto ao “Upgrade”. Isto é, retornar um hardware ou software à um ponto anterior, ou nesse caso, volta a usar o windows 7.

Se você não está satisfeito com o Windows 8 ou 10, então esse artigo é para você! são vários os motivos para voltar a usar o Windows 7, um deles, é, e, talvez o principal, a atualização que ocorreu do Windows 7 para o 10, e depois dessa atualização o pc ficou lento, travando, e com várias inconsistências, entre outras.

Windows 7 é um sistema operacional bom, as pessoas que estão executando-o estão felizes, e não tem uma razão para atualizar. É bom; é sólido; e funciona. e o suporte e atualizações vão até 2020.

Windows 10 também é um sistema bom. As pessoas que estão usando o Windows 10, na minha opinião, têm poucas razões para fazer o downgrade.

Há dois problemas com o Windows 10 (e, em menor grau, o Windows 8 antes dele):

Em primeiro lugar, o costume, principalmente quanto ao menu do Windows 7, que no 10, está completamente diferente, apesar que não podemos deixar que a primeira impressão nos engane, quanto as novidades, porque com o uso acabamos nos acostumando com o novo.

Se você é apaixonado pelo Windows 7, principalmente pelo menu iniciar, tem uma solução fácil, instalar  Classic Shell  ou qualquer outro que substitui o menu Iniciar; há um monte deles. Particularmente útil para o Windows 8 e 8,1, faz com que o Windows fique muito parecido com o Windows 7 , é mais fácil do que fazer o processo downgrade.

Em segundo lugar, compatibilidade: impressoras e scanners que já não tem drive, entre outros dispositivos, programas que não funcionam, entre outros problemas de compatibilidade, se esse é o seu caso, faça um downgrade.

A maneira correta de fazer o “downgrade”

A maneira mais fácil de executar um downgrade na verdade é extremamente simples:

  • Backup de seu computador completamente. Eu recomendo um backup de imagem completa para se certificar de que você não perca nada.
  • Restaurar o computador para a imagem de backup que você tomou imediatamente antes de atualizar para o Windows 8.1 ou Windows 10.
  • Restaurar todas as atualizações para os seus dados a partir da imagem de backup que você tomou na primeira etapa.

É isso aí. É um pouco de trabalho, mas você tem o seu antigo Windows de volta.

O problema, claro, é que muitas pessoas simplesmente não têm que “imagem que você tomou imediatamente antes da atualização”.Eles não têm nada a restaurar. Essas pessoas precisam o caminho rebaixamento mais tradicional.

As etapas para fazer o downgrade

Passo 1 : Faça backup de todo seus dados, como documentos, imagens, vídeos, etc.

Passo 2 : Instalar o Windows 7 a partir do zero . Isso significa, basicamente, reformatar e reinstalar, deixando assim a máquina zerada com uma instalação limpa.

Passo 3 : Instale todos os seus aplicativos a partir do zero. Isso significa que você precisa de seus discos de instalação (ou downloads) para todas as aplicações que lhe interessam.

Passo 4 : Restaurar seus dados a partir do backup, ou onde quer que você tem colocado.

Bem simples; apenas não é fácil.

Não há verdadeira rebaixamento

A verdade é que não existe tal coisa como um downgradePartilhar este! . Ou seja, transformar o Windows 10 para Windows 8 ou Windows 8 no Windows 7, especialmente se você estiver usando o sistema operacional mais recente por qualquer período de tempo. O que você faz em vez disso é  substituir  a versão mais recente do Windows para a versão anterior do Windows, executando assim, uma instalação completamente limpa do Windows 7.

Isso não é novidade. atualizações do sistema operacional raramente são reversíveis. Com exceção da capacidade por tempo limitado para reverter, a partir do Windows 10 que foi oferecido esse procedimento, durante o período de atualização gratuita, por pouco tempo.

Contanto que você não esteja enfrentando problemas de compatibilidade verdadeiros, minha dica é que fazer com que o Windows 8 ou 10 se comportem um pouco mais parecido com o Windows 7, usando Classic Shell ou ferramentas similares, é uma alternativa muito mais viável do que reformatar sua máquina a partir do zero.

Internet das Coisas

O termo que está em voga ultimamente é “internet das coisas“.

Não é nada especial, realmente. Não é outra rede, não é algo super secreto ou super-complexo. Na verdade, você já pode ter dispositivos que fazem parte dela.Continue lendo